ENGLISH
uma plataforma Atlântica para descobrir uma transcendente paixão por Lisboa, um grande amor pelo Porto estrondoso, o potencial da Marca Portugal e toda a beleza do mundo.

sempre pelas pontas dos dedos,
Sancha Trindade
os amigos silenciosos
'como recordar o que nunca aconteceu'

‘como recordar o que nunca aconteceu’

(…) Em letras enormes do tamanho do medo da solidão da angústia um cartaz denuncia que um homem e uma mulher se encontraram num bar de hotel numa tarde de chuva entre zunidos de conversa e inventaram o amor com carácter de urgência deixando cair dos ombros o fardo incómodo da monotonia quotidiana Um homem...
Margarida Marante 1959-2012, Na importância da memória

Margarida Marante 1959-2012, Na importância da memória

Ontem esta notícia deixou-me atordoada. Tenho uma boa relação com a morte desde sempre. Não acho que seja um fim, mas um espaço onde terminamos um dos estágios da evolução do que trazemos cá dentro. A Margarida Marante foi ao lado de Maria José Nogueira Pinto, uma das mulheres que punha nas gavetas da inspiração....
Um labirinto feito de amigos silenciosos, em Londres

Um labirinto feito de amigos silenciosos, em Londres

Amei esta ideia dos artistas brasileiros Marcos Saboya e Gualter Pupo, A-’amazing’ labyrinth, um labirinto feito de 250 mil livros que pode ser percorrido até ao dia 25 de Agosto no The Southbank Centre em Londres. ‘a labyrinth of fake entrances, exits that exit, straight curves, straight lines, overturned abysses, brittle sand stones, blunt edges, filled...
como quem não se esgota na beleza

como quem não se esgota na beleza

chegas-me sempre devagar. do sul de França passas pela minha cidade a deixar rasto, a deixar um perfume onde a malha da vida se constrói quase sem tempo. talvez o ser humano mais puro que a minha essência alcança, nestes dias tão frágeis que o mundo transpira. são lindos os postais que guardo no nosso tesouro, com...
Charles Baudelaire, 'sobre a modernidade'

Charles Baudelaire, ‘sobre a modernidade’

‘A mulher está perfeitamente nos seus direitos e cumpre até uma espécie de dever esforçando-se em parecer mágica e sobrenatural; é preciso que desperte admiração e que fascine; ídolo, deve dourar-se para ser adorada. Deve, pois, colher em todas as artes os meios para elevar-se acima da natureza para melhor subjugar os corações e surpreender os espíritos’....
Google Analytics Alternative