Sancha Trindade Plataforma Atlântica A Cidade na ponta dos dedos © nsd photography

Nasci da madrugada de 12 março em 1975, e formei-me em peritagem em arte para continuar o negócio de alfarrabistas e antiguidades de família. Com o estágio de licenciatura no Centro Cultural de Belém, uma breve passagem pelo jornalismo e o mundo da publicidade levaram-me em 2003, a tirar um curso de fotografia no ARCO e lançar a criar-te, a partir de Amesterdão e Atenas, cidades onde vivi quase quatro anos.

De regresso a Portugal em Março de 2006, e porque sempre acreditei que Lisboa tem tudo para se tornar numa das cidade mais fascinantes da Europa abracei um projecto, que valoriza o património dos bairros tradicionais da capital, os Guias Convida.

Em 2007 frequentei a Especialização em Jornalismo no Cenjor e no final de 2008 fez o Atelier de Televisão também do Cenjor, seguida da Pós-Graduação de Televisão e Cinema na Universidade Católica Portuguesa, concluída em Março de 2009 .

Quando cheguei a Lisboa em março de 2006 criei o blog Lisboa na ponta dos dedos, e desde então escrevi sobre a energia das cidades em vários meios de imprensa nacionais e estrangeiros: “O Senso e a Cidade” e ”Descobrir’ no já inexistente Meia Hora, A cidade na ponta dos dedos’ na Revista do Expresso, ‘Pelas Ruas da Cidade’ na GQ Portugal, ‘Saída de Emergência’ na Vogue online e colaborações várias com o Diário Económico, a revista Fora de Série, a Condé Nast Traveler, a GQ Brasil ou a Vanity Fair Espanha.

Em 2009 libertei a criar-te nas mãos da Arquivo, representantes em Portugal dos cúmplices Moleskines que tanto fazem pelas viagens e pelos sonhos dos viajantes , e para assinalar o novo ciclo de vida de uma marca que desafia todos os portugueses a correrem atrás do sonho é lançada uma série limitada de Álvaro de Campos com a epígrafe, ‘Tenho em mim todos os sonhos do Mundo’.

Pelas mudanças humanas a que todos assistimos, também em 2012 transformei o meu blog Lisboa na ponta dos dedos, numa plataforma Atlântica. Um site organizado, onde além das minhas sugestões para viver as nossas cidades, e suas fugas, oferece também outros projetos que passam por uma urgência ecológica e social, com forte luz nos cerca de oitenta e cinco mil idosos que um dia deram manivela à cidade. Ainda a importância do associativismo entre cidades que crescem complementares e a importância da Marca Portugal no futuro da nossa Economia. Também por isso conclui a primeira edição do PageTur, o Programa Avançado de Gestão do Turismo, da Católica Lisbon School of Business and Economics.

Como um porto de embarque, na plataforma convido os meus leitores a apanhar diferentes carruagens para descobrir e redescobrir a cidade. Uma plataforma Atlântica – também em formato de televisão para o Económico TV e Canal 180 – que contribui para a Marca Portugal ganhar mais luminosidade, aos olhos dos dos viajantes do mundo, mas acima de tudo de todos os portugueses.

pelas ruas da cidade,

Sancha Trindade