Pin it

É na extensão dos campos imprecisos, que abraço a beleza das montanhas da margem do Douro. Perante um cenário que, acima de tudo, deve ser entendido como uma pura contemplação ao êxtase, a morada privilegiada rende-se à perfeição do rio sereno. Esta semana, e com as palavras de Torga, um elogio a uma paisagem mais secreta e mais nossa, que veio do incêndio simplesmente, para refrescar o mundo.

crónica publicada a 29 de Maio de 2009 no jornal Meia Hora