Pin it

São as novas moradas do Príncipe Real e prometem ter as mesas mais concorridas no regresso à cidade. Mesmo sem a presença de Prokofiev ou de Almada Negreiros, dois testemunhos que provam que vale a pena transformar os sonhos em histórias ao vivo e a cores.

Fica em Lisboa, mas poderia ser Nova Iorque
Paixão, criatividade, rigor, detalhes e muita simpatia são os ingredientes desta história de bem receber. Poderíamos estar na cidade que nunca dorme mas felizmente estamos em Lisboa, num muito bem conseguido projecto de arquitectura de Luís Baptista. Com o talento dos chefes Diogo Noronha e Nuno Bergonse, experimentamos simplicidade e sofisticação, com influências dos percursos internacionais dos chefes (passaram por Nova Iorque e Barcelona). O restaurante que ocupa a antiga galeria dos aos trinta e o antigo espaço da Lidja Kolovrat podem ser pedidos por degustação ou a prato: Pescada com ‘tartare’ de manjericão, Glaze de chocolate com gelado de cardamomo, Salada de pêssego com ‘crumble’ de gengibre acompanhado de gelado de lima ou as ‘millardises’ de fruta e chocolate são muitos dos sabores que estão a encantar Lisboa.
Pedro e o Lobo
Rua do Salitre, 169  Lisboa
Tel. 21 193 3719
www.pedroeolobo.pt
Seg a Sex 13h as 15h e 20h as 23h e Sáb 20h – 23h

O regresso das tertúlias
O agradecimento por mais um café estético na nossa cidade vai para os mentores, Gabriela Faria Santos e Rui Manuel de Sousa, que abandonaram a carreira fiscal por uma sala de jantar onde se servem deliciosos brunch’s caseiros, almoços, jantares e petiscos até horas tardias. Como um ‘Ultimatum Futurista às Gerações Portuguezas’ e na memória das palavras de escritores como Almada Negreiros, Fernando Pessoa, Mário de Sá Carneiro, Luís de Montalvor ou Alfredo Pedro Guisado, a intenção de ‘agitar as inteligências e sensibilidades’ é entregue a detalhes que convidam ao esquecimento das horas entre escritores e amigos. Não deixe de provar as bolachas de mel, receita madeirense da Avó da Gabriela que acompanham o café ou de beber um copo ao final do dia, quando a praça se releva ainda mais bonita.
Orpheu Caffé
Praça do Príncipe Real, 5A Lisboa
Tel. 21 804 4499
www.orpheucaffe.com
Seg a Qui 10h – 24h, Sáb e Sex até 02h, Dom 9 – 20h

Pintar a cidade de palavras
Acabados de chegar a Lisboa e para acompanhar as chávenas de café ou as canecas para chá da marca Pantone, os cadernos apresentam-se em dois tamanhos distintos e seis cores diferentes: amarelo, azul, rosa, encarnado verde e laranja. Capas duras de cores fortes com pantones específicos, recheadas de folhas coloridas com muitas linhas para escrever.
Pantone Note Books
Paris-Sete
Largo de Santos, 14-D Lisboa
Tel. 21 393 3170
www.paris-sete.com
Seg a Sex 10h às 19h30 e Sáb 10h – 14h
A partir de € 10

publicado a 4 de Setembro de 2010 na revista Única do Expresso