Pin it
Pin it

A cidade também parte de férias até ao Algarve. Desta vez, com o Yakuza que, no mês de verão, desceu até ao Sul do país.

Com um aquário gigante com os exemplares exóticos dos oceanos Índico e Pacífico, uma das mais bonitas mesas de Lisboa (a que está colada ao famoso aquário) ruma ao Pine Cliffs que, de portas abertas, partilha o calor de verão e a frescura das árvores. O sushi de fusão, que mistura os sabores do Oriente com os do Ocidente, e a experiência dos paladares do Japão com a simbiose dos sabores e aromas mediterrânicos a que Olivier tanto nos habituou, apresenta as criações exclusivas do sushiman Agnaldo Ferreira.

Contudo, foi no seu homónimo de Lisboa, bem perto da grande Avenida e onde vive um aquário apaixonante, que me vi a jantar. Conheço o Olivier desde os meus tempos de liceu e tenho observado o seu percurso: não houve uma única vez que não o visse envolvido, até às entranhas, no amor que tem aos seus projetos. Com um jeito muito próprio, foco-me nas suas qualidades de empreendedorismo. Sempre com muitas iniciativas na manga, costumo render-me ao Olivier Avenida para reuniões de pequeno-almoço e não abro mão do chá frio, das massas e das grandes janelas, ideais para (os meus) almoços girly. Em contraponto com o que acontece, por exemplo, no Guilty – confesso, não faz o meu género – é perante este cenário de contrastes que lhe reconheço o poder sempre sábio de escutar a cidade e oferecer-lhe o que ela deseja.

Sob o ambiente do Yakuza, o enorme quadrado azul transporta-me a uma das cenas mais românticas da história do cinema. Na fita de Baz Luhrmann, a para sempre imortal história de William Shakespeare – Romeu e Julieta – dá asas à irreverência da imaginação, e a cena do aquário congelava em 1996 um dos postais que guardo dos meus tempos de adolescente.

Com a partida do restaurante para mares do sul, o postal abre-se ao que o verão tem de melhor. As noites quentes, as roupas leves, o som dos animais noturnos e os encontros descontraídos, longe da energia da cidade, chamam à partilha entre amigos. Nesse sentido, o sushi calça que nem uma luva os pratos que vão chegando e que, na carta do Algarve, surgem com algumas novidades. Lasanha fria, uma entrada com folhas de salmão, de atum e peixe branco, recheada com polvo, kisami wasabi, chalota, tomate cherry e manjericão, e pratos de wok, como o Yaki Udon, o Sukiyaki ou o Choco Udon. É ainda possível encontrar alguns dos melhores e mais emblemáticos pratos do Olivier Avenida, como o Folhado de Peixe, a Picanha de Kobe, o famoso Bife, a Massa com Trufa e o Hamburger de Kobe.

Em Lisboa, a experiência está feita e aprovada. E embora não costume ter o Algarve como destino, o que posso dizer é que se por acaso lá passar, este sushi não me escapa.

crónica publicada a 2 de Agosto na Vogue

Yakuza Pine Cliffs Resort
Sheraton Algarve & Pine Cliffs Resort
Praia da Falésia, Albufeira
Tel. 915 117 206
www.restauranteyakuza.com
Facebook aqui