O negócio de Sancha Trindade é um blog que quer ser montra de locais e experiências que valorizam as cidades portuguesas e a marca Portugal.

Sancha Trindade, 37 anos, é ambiciosa. “Pensar enorme para ter muito grande”, explica ao Dinheiro Vivo. A cara – a marca Sancha Trindade – por trás de outra – a do blog A cidade na ponta dos dedos – acredita que esse foi o mote para o crescimento da plataforma-blog que criou há sete anos (ainda que em formato diferente).

Sancha estudou História da Arte e criou o blog em março de 2006, acabada de chegar a Lisboa depois de uma temporada a viver em Amesterdão. A prataforma (siga A cidade na ponta dos dedos no Facebook) começou por ser uma janela dos olhos e das experiências que Sancha tinha na cidade onde vive.

No ano passado, decidiu fazê-la crescer, alargando o conceito da “saudade” e das sensações ao Porto, numa espécie de porta-estandarte da marca Portugal, sempre com “um registo lírico”, seu costume, como faz questão de dizer. Sancha diz que no blog não há posts pagos: como num qualquer outro site de informação, a publicidade tem lugar específico e a presença de marcas específicas é sempre reflexo de projetos e empresas com os quais se identifica. Por isso, Sancha assegura, tanto a parte editorial como a comercial e de marketing.

Entre os 12 mil leitores diários estão muitos portugueses espalhados pelo mundo que, acredita Sancha Trindade, veem na plataforma atlântica as novidades de um país-casa de que têm saudades.

artigo de Mariana Barbosa (com video de Pedro Fonseca) publicado a 1 de março de 2013  no Dinheiro Vivo

esta plataforma Atlântica no facebook está aqui