Que linda era a Almirante Reis. A Cidade na ponta dos dedos fica feliz de ver Lisboa a renovar-se assim e este edifício já merecia. Que seja “um fósforo para o milagre do fogo”. De facto não podemos falar deste novo 1908 Hotel sem mencionar o lindíssimo edifício que marca a Av. Almirante Reis e o Largo do Intendente Pina Manique.

O Prémio Valmor de 1908, respira uma fachada Arte Nova com apontamentos neo-barrocos, patentes na cúpula do edifício e nos seus ornatos. Hoje com obras do artista urbano Bordallo, o projecto de reabilitação do atelier Pardal Monteiro Arquitectos é uma obra que com 6,5 milhões de euros de investimento devolve a beleza deste edifício a Lisboa.

Com 36 quartos, elogia-se também o trabalho do Arquitecto Adães Bermudes, que 108 anos mais tarde, vê os planos da sua obra-prima reconstruída num projecto que será uma âncora do crescimento desta zona da cidade. Conheça o 1908 Hotel na emissão desta semana.

1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade1Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade9Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade2Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade4Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade5Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade6Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade3Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade7Pin it
1908-hotel-intendente-poremio-valmor-cidade-na-ponta-dos-dedos-sancha-trindade8Pin it