Depois de uma manhã a saborear os aromas e ingredientes intensos da Medina, e do evento Be Touched in Marrakech por Henrique Sá Pessoa fui à descoberta deste destino apenas a uma hora de Lisboa. É incrível como uma cultura tão diferente está a tão pouca distância da nossa capital. Das ofertas da TAP – são vinte e oito a trinta e cinco voos (no Verão), ligando Lisboa a quatro cidades marroquinas: Casablanca, Marraquexe, Tânger e Fez – este é um destino invulgar, um mergulho exótico de sabores intensos e cores quentes inesquecíveis.

After a morning savoring the aromas and intense ingredients of the Medina, and the event Be Touched in Marrakech por Henrique Sá Pessoa I went to discover this destination only an hour from Lisbon. It’s amazing how such a different culture is so close to our capital. From TAP’s offerings – twenty-eight to thirty-five flights (in summer), linking Lisbon to four Moroccan cities: Casablanca, Marrakech, Tangiers and Fez – this is an unusual destination, an exotic dip of intense flavors and unforgettable warm colors .

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade17Pin it

Eu adoro verde água mas é na terracota que Marraquexe encontra a sua assinatura. Conhecida por isso como ‘a cidade vermelha, o tom uniforme de todos os edifícios, espalha na cidade a sua assinatura como uma proteção, mas também um elogio ao Sol. Aqui partilho a minha lista de Marraquexe, já sabem que escolho tudo a dedo como curadora do melhor que podemos encontrar em cada viagem e experiência. E agora a lista!

I love green water but it is in the terracotta that Marrakesh finds its signature. Known as ‘the red city’, the uniform hue of all buildings, it spreads its signature in the city as a protection, but also a compliment to the sun. Here I share my list of Marrakesh, you know that I choose everything as a curator of the best that we can find in every trip and experience. And now the list!

O Musée Yves Saind Laurent, é já um cartão de visita da cidade. “Marraquexe ensinou-me a cor. Antes de Marraquexe tudo era negro”, escreveu um dia o designer de moda que que comprou uma casa de férias em 1966, na capital de Marrocos. Com morada no deslumbrante Jardin Majorelle o museu desenhado pelos arquitectos do Studio KO, guardam cerca cerca de mil peças de Yves Saint Laurent.

The Musée Yves Saind Laurent, is already a business card of the city. “Marrakesh taught me the color. Before Marrakech everything was black, “wrote one day the fashion designer who bought a holiday home in 1966 in the Moroccan capital. With an address in the stunning Jardin Majorelle, the museum designed by the architects of the Studio KO, they keep about a thousand pieces of Yves Saint Laurent.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade1Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade2Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade3Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-4bPin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade5Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade6Pin it

O Jardin Majorelle é o altar do pintor francês Jacques Majorelle (1886-1962) que dedicou quarenta anos de paixão para criar este jardim deslumbrante. Não deixar de ver a sala escura das jóias do Musée Berbère.

The Jardin Majorelle is the altar of the French painter Jacques Majorelle (1886-1962) who dedicated forty years of passion to create this stunning garden. Do not miss seeing the dark room of the Musée Berbère jewels.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade7Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade8Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade9Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade10Pin it

Dar Rhizlane é um oásis no bairro de luxo Hivernage, a meio caminho entre a medina e a Ville Nouvelle. O jardim criado em 1920 e uma casa transformada em hotel é uma das moradas mais românticas da cidade.

Dar Rhizlane is an oasis in the luxury Hivernage district, halfway between the medina and the Ville Nouvelle. The garden created in 1920 and a house transformed into a hotel is one of the most romantic addresses of the city.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade11Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade12Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade13Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade14Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade15Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade16Pin it

O Grand Café de La Post com morada em Guéliz, fora das muralhas da Medina, foi construído nos anos vinte,é um marco da história da cidade. Um lugar mítico que nos transporta ao início do século XX, ideal para jantar.

The Grand Café de La Post, housed in Guéliz, outside the walls of the Medina, was built in the twenties and is a landmark in the history of the city. A mythical place that transports us to the beginning of the XX century, ideal for dinner.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade18Pin it

O Le Salama foi assim uma das mais bonitas surpresas desta minha visita a Marraquexe. Pela mão do Chef Henrique Sá Pessoa, no dia em que estivemos a mergulhar nos ingredientes da Medina, o espaço divide-se em três espaços distintos, cada um mais bonito que o outro.

The Le Salama was thus one of the most beautiful surprises of my visit to Marrakesh. By the hand of Chef Henrique Sá Pessoa, the day we were immersed in the ingredients of the Medina, the space is divided into three distinct spaces, each one more beautiful than the other.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade19Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade20Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade21Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade22Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade23Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade24Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade25Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade26Pin it

O Nomad é um café restaurante no meio da Medina ideal para descansar da intensidade das compras marroquinas. Do outro lado da praça o Café des Épices oferece uma experiência de chá com as sandwichs mais famosas da Medina.

The Nomad  is a cafe restaurant in the middle of the Medina ideal to rest from the intensity of Moroccan shopping. Across the square the Café des Épices offers a tea experience with the most famous sandwiches in the Medina.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade27Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade30Pin it

Le Jardin é uma das experiências mais feéricas da Medina. Localizado dentro de um edifício do século XVI maravilhosamente renovado, a porta despretensiosa abre-se num exuberante jardim onde passeiam tartarugas gigantes.

Le Jardin is one of the Medina’s most fairytale experiences. Located within a beautifully renovated 16th century building, the unpretentious door opens into a lush garden where giant turtles roam.

 

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade31Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade32Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade33Pin it

O Palais Bahia é um palácio do século XIX considerado uma das obras-primas da arquitectura marroquina, um dos principais monumentos do património cultural do país e um dos principais locais de turismo em Marrocos. Aconselho que faça a visita guiada.

Palais Bahia is a 19th century palace considered one of the masterpieces of Moroccan architecture, one of the main monuments of the country’s cultural heritage and one of the main tourist sites in Morocco. I advise you to take the guided tour.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade34Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade45Pin it

Apenas cinco minutos a pé da mundialmente famosa praça Djemaa o El-Fenn e do movimentado labirinto de ruas que compõem o Souk. O projecto de Vanessa Branson e Howell James é um hotel com um dos ambientes mais criativos e estimulantes da cidade. Aconselho também para almoço ou para beber um chá.

Only five minutes walk from the world-famous Djemaa El-Fenn square and the bustling maze of streets that make up the Souk. Vanessa Branson and Howell James Project is a hotel with one of the most creative and stimulating environments in the city. I also advise for lunch or to drink tea.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade35Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade36Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade37Pin it

Palais Rhoul é assim das moradas mais feéricas de Marrocos. A uns minutos da cidade, o hotel é tão bonito que não dá nem vontade de sair. Senão ficar a dormir nos quartos deslumbrantes forrados a antiguidades que circundam a piscina ou nas tendas do jardim, é obrigatório para um jantar ou um chá de fim de tarde.

The Palais Rhou is thus the most fairytale dwellings in Morocco. A few minutes from the city, the hotel is so beautiful that you do not even want to leave. Other than sleeping in the stunning rooms lined with antiques surrounding the pool or in the garden tents, it is a must for dinner or late afternoon tea.

marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade38Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade39Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade40Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade41Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade42Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade43Pin it
marraqueche-marrocos-tap-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade44Pin it

Outras moradas a não perder, o Bô Zin, o Jad Mahal, o Le Foundouk (marque no terraço superior), o Dar Yacout, o Terrace des Épices, (também para almoço), o Lotus Club, o Comptoir Darna, o Café Argana (fica no meio da Medina e é famoso pelo gelado de canela), o La Famile, o Kosybar, e o Azar. Já um pouco mais fora do centro, não deixe de visitar o Fellah-Hotel.

Other addresses not to be missed are the Bô Zin, Jad Mahal, Le Foundouk (check on the upper terrace), Dar Yacout, Terrace des Épices (also for lunch), Lotus Club, Comptoir Darna, Café Argana (it sits in the middle of the Medina and is famous for cinnamon ice cream), La Famile, Kosybar, and Azar. Already a little more out of the center, be sure to visit the Fellah-Hotel.

Marque o voo com a TAP Air Portugal aqui.

be-touched-in-marrakech-por-henrique-sa-pessoa-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade11Pin it
be-touched-in-marrakech-por-henrique-sa-pessoa-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade12Pin it