A cortina é de veludo. Não estivéssemos entre o Teatro de São Carlos e o Teatro de São Luiz, no novo restaurante do Grupo Sea Me, os panos desta morada abrem-se, verdadeiramente.

Como todos os projectos desde grupo que enaltece a restauração em Lisboa, O Meat Me é mais um dos projectos que foi pensado durante muito tempo, e como sempre, respira muitos detalhes escolhidos a dedo. E se para cada uma das portas que abrem, Rui Gaspar e António Querido chegam a fazer inúmeras viagens de inspiração, hoje a viagem marca-se em Lisboa, com a abertura de um restaurante que promete marcar fortemente a dinâmica do Chiado.

The curtain is velvet. Weren’t we between Teatro de São Carlos and Teatro de São Luiz, in the new restaurant of the Sea Me Group, the cloths of this address truly open up. 

Like all projects of a group that celebrates the restaurant scene in Lisbon, Meat Me is one of the projects that’s been thought out for a long time, always with handpicked details. And if for each of the doors that open up, Rui Gaspar and António Querido make numerous inspirational trips, today the trip is setup in Lisbon, with the opening of a restaurant that promises to strongly mark the dynamics of Chiado.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co29Pin it

Mas entremos pela cortina. O Meat Me divide-se entre uma elegante mezzanine e a sala do restaurante. Entre os tons escuros do carvalho e das peles azul petróleo da parte de cima, e a luz da sala de jantar na parte de baixo não precisa de escolher. A experiência do Meat Me está pensada para aproveitar cada momento, cada recanto da casa, com casa de banho linda incluída, mas já lá vamos.

But let’s cross the curtain. Meat Me divides itself between an elegant mezzanine and the restaurant dining room. Between the dark shades of oak and the oil-blue skins upstairs, and the dining-room light below, you don’t have to choose. The experience at Meat Me is designed to take advantage of every moment and every corner of the house, the lovely bathroom included, but we will get there.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co28Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co24Pin it

Em cima fui logo resgatada pela biblioteca em construção, com livros das editoras internacionais Gestalten e Assouline que fazem companhia a uma lareira em forma de metáfora. Com ou sem calor, promete aquecer o sentido de acolhimento num canto muito apetecível para se deixar estar. Com tempo, já que aqui eleva-se a humanidade.

No bar que mais parece uma oficina de detalhes, coletes de alfaiate sobre camisas brancas imaculadamente engomadas constroem um elogio aos anos vinte e trinta, com um convite a um bar clássico no verdadeiro sentido do termo. Vasco Martins, head bartenderdo Sea Me Group faz as honras da casa com uma lista de cocktails com ingredientes desenhados por Ana Gil. Todos os destilados, licores, bitters e restantes produtos foram selecionados pelo sentido de qualidade, origem e história. Bar de se lhe tirar o chapéu, e sendo os únicos embaixadores em Portugal da Glenfiddich há detalhes deliciosos como o gelo passar por um processo de congelação lenta e temperatura controlada, que acaba por separar as impurezas e garantir blocos de gelo perfeitos para fazer cocktails com pouco mais de que três ingredientes. Aqui valoriza-se sem acrescentos o componente principal de uma bebida: o destilado. Espere por isso essência, elegância e tradição em estado puro.

Upstairs I was immediately rescued by the still under construction library with books from the international publishers Gestalten and Assouline who keep a fireplace company in the form of a metaphor. Heat or no heat, it promises to warm the sense of welcome in a corner very appetizing to just lay back. Over time, as here the sense of humanity arises.

At the bar which looks more like a detail shop, tailor vests on immaculately starched white shirts, a compliment to the twenties and thirties with an invitation to a classical bar in the truest sense of the word. Vasco Martins, head Sea Me Group bartender does the honours of the house with a list of cocktails with ingredients designed by Ana Gil. All distilled drinks, liqueurs, bitters and other products were selected for their sense of quality, origin and history. A bar to take one’s hat off to, and being the only ambassadors in Portugal of Glenfiddich there are delicious details as the ice goes through a process of slow freezing and controlled temperature, which ends up separating the impurities and ensuring perfect ice blocks to make cocktails with little over three ingredients. Here the main component of a beverage, the distilled drink, is valued without additions. So expect that essence, elegance and tradition in the pure state.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co19Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co30Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co22Pin it
meat-me-01-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co3bPin it

Em baixo, antes de entrar na sala imaculadamente luminosa com os linhos brancos das mesas, uma escultura de Silvio Fiorenzo, em malha de arame, pendurada no teto, projeta uma sombra mística de um boi na parede de azulejos. Junto às janelas, as mesas de mármore estão presenteadas com um divertido botão na parede. “Press for Champagne”. O chão que alterna o branco e o verde-água, tem os tetos forrados a mosaicos de madeira preenchidos com mantas da Mizette, da Fábrica Alentejana de Lanifícios. Adorei esta sala de jantar, está muito acolhedora e muito bem conseguida, e garanto-lhe já uma osmose perfeita no movimento do restaurante que une de forma distinta os clientes e toda a equipa que faz acontecer uma das salas de jantar mais detalhistas da cidade.

Below, before entering the room immaculately lit up with the white table linens, a wire-mesh Silvio Fiorenzo sculpture hanging from the ceiling, projects a mystical shadow of an ox on the wall of tiles. Next to the windows, the marble tables are presented with a fun button on the wall, “Press for Champagne”. The floor that alternates with white and green-water, has ceilings lined with wooden mosaics filled with Mizette blankets, from Alentejana Fábrica de Lanifícios. I loved this dining room, it is very cozy and very well setup, and I assure you of a perfect osmosis in the flow of the restaurant that unites customers and the whole team that makes  work one of the most detailed dinner rooms in the city. 

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co3Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co0Pin it

Na carta, o Meat Me sugere uma experiência interativa, já que o cliente é convidado a aproximar-se do balcão de carnes (um talho cheio de pinta) cheio de peças de bovino maturadas, presuntos de porco e vaca a cair do teto e arcas de maturação, guardado por Bruno Fortuna, o sommelier de carnes deste restaurante. Rebuscado ou não, vale mesmo muito a pena perceber e ouvir a historia de cada corte etiquetados com origem, raça, tempo de maturação, local onde o animal viveu, e o seu trajecto até ao restaurante. Depois de escolhida a carne, uma tábua vai até à mesa com a peça selecionada, com o respetivo peso e valor.

A carne é um capricho. E podia ser de tão boa que é, mas foi mesmo um desejo do El Capricho, fazer do Meat Me, o único restaurante em Lisboa a servir estas carnes, que já foram consideradas das melhores do mundo. O El Capricho é uma marca de produção de animais com um restaurante homónimo em Léon, Espanha, gerido pelo carismático José Gordon, que em Jimenez, orquestra uma morada que é considerada por muitos como o melhor assador ibérico.

Mas sentemo-nos à mesa e comecemos então pelo cesto de pão de fermentação lenta, várias lascas viciantes de flatbread e cubos de focaccia com togarashi. Pense bem antes de experimentar a manteiga de cabra e pó de louro e gordura de porco preto com escamas de sal. Com o couvert já ficaria feliz, de tão bom e que é.

In the menu, Meat Me suggests an interactive experience, as the customer is invited to approach the meat counter, a full-bodied butchery filled with matured beef pieces, pork and cow ham falling from the ceiling and maturation arks, all under the supervision of Bruno Fortuna, the meat sommelier of this restaurant. Far-fetched or not, it is really worthwhile to listen to the story behind each cut tagged with origin, race, maturation time, where the animal lived, and its route to the restaurant. Once the meat is chosen, a board goes to the table with the selected piece, with its weight and value.

The meat is a real treat. And it could be so good that it is, but it was really a wish of El Capricho, to make Meat Me, the only restaurant in Lisbon to serve these cuts of meat, which have been considered the best in the world. El Capricho is an meat production brand with a homonymous restaurant in Leon, Spain, run by the charismatic Jose Gordon, who in Jimenez orchestrates an address that is considered by many to be the best Iberian “asador”.

But let’s sit down at the table and start with the slow fermenting bread basket, several flatbread flakes and focaccia with togarashi cubes. Think well before you try the goat butter and laurel powder and black pork fat with salt scales. With the couvert you would be happy enough, as it’s just so good.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co32Pin it

Nas entradas as minhas provas passaram por um Carpaccio maturado 180 dias, azeite, queijo São Jorge com 36 meses de cura e uma Burrata, granizado de manjericão e pinhões. Nos pratos foi difícil escolher, mas como a carne é a rainha, elegi o Chuletón de Vaca para provar a honra da casa, acompanhado de batatinhas fritas no carvão e arroz de morcela. Imagine estas delícias confeccionada numa cozinha, aberta para a sala com três grelhas, todas Josper: a de churrasco clássico, a parrilla espanhola e a robata japonesa.

For starters my tastings went through a Carpaccio matured for 180 days, olive oil, São Jorge cheese with 36 months of cure and a Burrata, hailstone of basil and pine nuts. In the main courses it was difficult to choose, but as the meat is the queen I chose the Cow Chuletón to try the honour of the house, with sides of potato chips and morcela rice. Imagine all these delights made in a kitchen, open to the room with three grills, all Josper: the classic barbecue, the Spanish grill and the Japanese robata.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co35Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co36Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co37Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co38Pin it

Além deste delicioso Chuletón de Vaca, pode escolher ainda Chuletón de Boi, o Beijinho e o Lombo. Mas há ainda Bife Wellington, Tártaro de Novilho e Aba de Novilho de Comer à Colher. No Porco, a grelha pode receber Piano de Porco Preto, Barriga de Leitão e o Tomahawk de Porco Preto. Uma nota para a curiosidade, já que o chef Tomás Pires, desafiou a Montaraz (empresa de Ourique de onde vem o Porto Preto), a criar um corte de carne único, apenas servido no Meat Me: o Tomhawk de Porco Preto. O Chef considerou que se era possível fazê-lo nos bovinos, o porco, com uma anatomia similar, também permite este corte conhecido por um longo osso envolto em carne e que no caso do porco preto apanha lombo, presa e secretos.

Apart from this delicious Cow Chuletón, you can also choose Ox Chuletón, “Beijinho” and Loin. But there is also Steak Wellington, Veal Tartar and Veal Flap Eaten with a Spoon. On Pork, the grill can receive Black Pork Piano, Sucking Pig Belly and Black Pork Tomahawk. A curious note, since chef Tomás Pires challenged Montaraz (a company of Ourique where the Black Pig comes from), to create a unique cut of meat, only served at Meat Me: the Tomahawk of Black pig. The Chef considered that if it was possible to do it in beef, the pig, with a similar anatomy, also allows this cut known by a long bone wrapped in meat and that in the case of the black pig includes the loin, prey and “secretos”.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co8Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co14Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co11Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co13Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co17Pin it

Porque este é um restaurante de asas grandes, nas Aves há a sugestão de Codorniz, Franguinho Asiático ou Canja de Pato. Para os que preferem produtos do mar há três opções: o Polvo Barbecue, o Atum Chimichurri e Carabineiros com Aioli Picante.

Segue-se um limpa-palato, uma espécie de gelado em forma de chupa-chupa fresco de limão e merengue, para saborearmos antes de provar as sobremesas, orquestradas pelo chef André Morgado. Comece já a fazer dieta para deliciar-se com o Soufflé de Chocolate e Amendoim e o Mil-folhas de Doce de Leite, Caju Salgado e Limão. A minha experiência de sobremesa foi acompanhada de café de balão na salinha de estar do bar, onde respiram os livros e para mim foi um dos pontos altos. Não apenas porque eram deliciosas mas porque em casa dos meus Pais havia todos os dias café de balão e tive o meu momento Ratatui, relembrando as minhas boas memórias com pessoas que já partiram. Obrigada Meat Me por este momento tão inesperadamente especial.

As it’s a restaurant with large wings, in Birds there is the suggestion of Quail, Asian Fried Chicken or Duck Soup. For those who prefer seafood, there are three options: Octopus Barbecue, Tuna Chimichurri and Carabineiros with Spicy Aioli.

A palate cleanser follows, a kind of ice-cream in the form of a fresh lime and meringue lollipop, is savoured before sampling the desserts, orchestrated by chef André Morgado. Start dieting to indulge in the Chocolate and Peanut Soufflé and the Thousand-Sheets Sweet Milk, Salted Cashew-nuts and Lemon. My dessert experience was accompanied by balloon coffee in the living room of the bar where the books breathe and for me was one of the highlights. Not only because they were delicious but because at my parents’ house there was balloon coffee every day and I had my Ratatui moment, reminding me of good memories with people who are no longer among us. Thank you Meat Me for this unexpectedly special moment.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co44Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co31Pin it

Porque a sabedoria é elevada ao alto nesta sala de estar saltam-me as páginas do livros e com eles a escolha de uma palavra. “Terroir” é uma palavra que sela este novo projecto do Chiado. O Meat Me insiste em conhecer a origem dos produtos, o clima, as condições e histórias que os tornam únicos e de grande qualidade. Nos vinhos as paredes elogiam o território nacional, aos quais ainda se juntam o champanhe Laurent-Perrier, do qual o Meat Me é embaixador. Quinta de Soalheiro (Minho), Quinta Nova (Douro), Casa Ferreirinha (Douro), Quinta dos Carvalhais (Dão), Luís Pato (Bairrada), Quinta do Pinto (Lisboa), Bacalhôa (Península de Setúbal), Esporão (Alentejo) e Herdade do Peso (Alentejo). Cada um destes produtores tem destaque na carta com direito a vinhos de coleção, alguns apenas possíveis de serem provados no Meat Me, alguns deles em aposta Magnum.

Para o tempo estival está já prometida uma esplanada com carta própria, e um carrinho de ostras para saborear sobre a calçada. Para já prove um dos restaurantes mais intimistas da capital, com direito a uma das casas de banho mais bem pensadas da restauração lisboeta. E não lhe vou contar pormenores, porque há surpresas que não se estragam. É para ir, provar e observar com rigor um restaurantes mais detalhistas da capital.

Because wisdom is raised high in this living room I skip through the pages of the books and with them the choice of a word. “Terroir” is a word that seals this new Chiado project. Meat Me insists on knowing the origin of the products, the climate, the conditions and stories that make them unique and of great quality. In the wines the walls praise the national territory, to which is added the champagne Laurent-Perrier, of which Meat Me is an ambassador. Quinta de Soalheiro (Minho), Quinta Nova (Douro), Casa Ferreirinha (Douro), Quinta dos Carvalhais (Dão), Luís Pato (Bairrada), Quinta do Pinto (Lisbon), Bacalhôa (Setúbal Peninsula ), Esporão and Herdade do Peso (Alentejo). Each of these producers is featured in the wine list where some collection items are seen, some only possible to be tasted in Meat Me, some of them in Magnum format.

For the summer time it is already promised a terrace with it’s own menu, and an oyster cart to taste on the sidewalk. For now try one of the most intimate restaurants in the capital, entitled to one of the best thought out bathrooms in the Lisbon restaurant scene. And I wont tell you any details, so as not to spoil any  surprises. Just go and try, and watch carefully one of the more detailed restaurants of the capital.

meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co49Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co55Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co56Pin it
meat-me-chiado-a-cidade-na-ponta-dos-dedos-de-sancha-trindade-sancha-co59Pin it

O que adorei
Adoro sempre os projectos do Grupo Sea Me, e adorei mais este acima de tudo pela quantidade dos detalhes.
O que melhorava
Nada a declarar.

What I loved
I always love the projects of Sea Me Group, and I loved this one especially due to the amount of detail
What could improve
Nothing to add. :-) 

Meat Me Assador Moderno 
Rua Duque de Bragança, Largo do Picadeiro, 8 Lisboa
+351 213 471 356
website . facebook . instagram

Para me seguir no instagram procure Sancha.Co
To follow me on instagram find Sancha.Co

© photos Meat Me e Sancha.Co